AS FLORES DE MAHLER

ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA

A figura de Gustav Mahler ilumina o presente concerto. A poesia de Friedrich Rückert encarna numa obra orquestral de grande emotividade. Guiado pela mão segura de Ustina Dubitsky e pela bela voz de Victoire Bunel, o público atravessa lugares trágicos e nostálgicos do Romantismo, enfatizados pela orquestração inovadora de Mahler. Blumine integrava a primeira sinfonia do compositor. Contudo, uma receção desastrosa implicou a sua retirada da obra. Totenfeier percorreu o sentido inverso. Inicialmente concebido como um poema sinfónico, foi transformado por Mahler no primeiro andamento da Sinfonia n.º 2. O Classicismo vienense antecipou a produção de Mahler, contrastando, expressiva e marcadamente, com o cânone finissecular. A Sinfonia n.º 25, de Mozart, é considerada como uma das primeiras obras orquestrais que revela a passagem do compositor para a sua maturidade criativa. 

As Flores de Mahler
As Flores de Mahler
As Flores de Mahler
As Flores de Mahler

Ver e Ouvir

PROGRAMA

Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música

Ustina Dubitsky direção musical

Victoire Bunel soprano

Wolfgang Amadeus Mozart Sinfonia n.º 25 em Sol menor, K.183

Gustav Mahler Kindertotenlieder

Gustav Mahler Blumine;Totenfeier (versão original de 1888)

Programa de Sala

apoio

PREPARE A SUA VISITA

DESCONTOS

Juniores (< 30 anos) 50%

Seniores (> 65 anos) 15%

Estudante Universitário 50%

Professores e estudantes de música 50%

Cartão Amigo 25%

Cartão BPI 20%

CLASSIFICAÇÃO ETÁRIA

Maiores de 6 anos